06/12/2011

milimetricamente




Quem convive comigo sabe como sou detalhista. Quando vou montar o mural, vejo se as folhas estão milimetricamente separadas. Quando prego as placas nas baias, quero todas medindo 33 cm do pé do metalon. Quando organizo as fotos do meu quarto, quero 9 verticais e 12 horizontais, sem repetir os imãs.

Conto minutos e gosto de ordem até nas coisas que não têm. Até chegar você e me bagunçar toda. E me amar cheia de erros, reclamando apenas dos 3 botões do short. E você me morde para eu ficar o fim de semana inteiro lembrando de você. Você posta música de vaquejada eu amo, você tira o meu P. e eu surto. Me chama de vida, me chama de troço. Fica online e não fala. Parece que não, mas sabe o que quer.

Eu que organizo os cabides todos pro mesmo lado, maiores na frente, menores atrás, não sei medir as palavras e o tom. E faço com que a pessoa em que mais confio, pense o contrário. Quando é você eu não sei medir. Não sei o que é idade, cidade, intensidade (não quero saber, tenho raiva de quem sabe). Eu só quero ir e vou. Parece que não, mas sei o que quero.

A gente se ama e se culpa. Pra quê? Eu não gosto disso. Eu gosto de rir de coisas bobas que você conta, da sua risada solta. Eu gosto quando você diz que só casa no sítio se eu mudar de time. Eu amo quando você implica com minha altura e quando me leva no colo. Quando me faz chorar de rir e por sentir saudade. 'Porque mesmo longe, você é mais presente do que qualquer outro cara do mundo.' (citando a Tabalipa)

Obrigada por abrir mão de quase tudo por mim, obrigada por querer me ver feliz. Entenda que só sou feliz com você, mesmo que você tenha ciúme até do meu mini notebook. Obrigada por lembrar de mim no meio de sua aula, obrigada por adorar sempre que eu te escrevo. Como disse Caio F., 'eu acho que é por isso que te escrevo, para cuidar de ti, para cuidar de mim'.

O meu amor por você - e eu sei, o seu por mim - não tem tamanho.

- Eu te amo, sabia?
- É? Por quê?
- Por que você é linda e faz coisas lindas.

(eu nunca vou esquecer isso)'

Nenhum comentário:

Quantos?