19/06/2009

Sobre reputação e consciência

Para Sócrates, 'a maneira de se conseguir uma boa reputação reside no esforço de ser aquilo que se deseja parecer'. É incrível como as palavras simples ditas pelo filósofo ateniense permanecem atuais. Confesso que algumas vezes me preocupei mais em parecer do que ser. Com a opinião alheia. E a opinião alheia é importante, mas nunca deve determinar, por si só, nossos atos. Foi o que aprendi.

Hoje sou mais livre para fazer o que quero, como quero. Procuro não encanar, eu sei dos meus desejos e limites. Há aquele freio de mão. Devo satisfações a quem paga minhas contas e respeito as pessoas. Também gosto de ser respeitada. Reputação é residual, o que deixo (e não forjo!) nos outros quando vou embora. Certeza ou dúvida, muito ou pouco, bom ou mal (quem agrada a todos?).

Santo Agostinho foi quem melhor definiu reputação, a diferenciando de consciência: 'consciência e reputação são duas coisas diferentes. A consciência deve-se a ti, a reputação deve-se ao teu vizinho'. Releio o que escrevi em Questão de caráter e vejo como evolui. Prezo e acredito nas pessoas, mas não vivo em função do que pensam (ou podem pensar). Sabe aquela música que diz 'se eu for ligar pro que é que vão falar não faço nada'? Pois é.

Pauta para o Blorkutando

update: Top da 39º semana, urrul Bial!

17 comentários:

Camila Colossi disse...

muito bom :)
opiniao alheia, aaarg detesto UAUHAHU e nem ligo muito, eu axo

bejos

Menina Nina disse...

Excelentes citações! Principalmente a que diz que o caráter depende de vc e areputação do seu vizinho. Fora, sábias palavras mesmo.

Muito bom o tema do Blorkutando dessa semana!

Karen disse...

Me adiciona no msn então..

karen.barbfer@hotmail.com

daí a gnt conversa melhor :D
beijos!

Menina de óculos disse...

Eu num me preocupo com o que os outros pensam, mas eu me preocupo muito com os meus próprios pensamentos...

bjss Pat

Karen disse...

Faço de suas, minhas palavras!
Já me preocupei demais com isso também, fiz por parecer, e esqueci de ser.. que adianta né? Ainda bem que a gente aprende a viver um dia.

Beijos minha flor, adorei falar com você hoje!

J. disse...

muito bom o texto e citações.
se der passe no meu blog.
bjbj
J.

.Ná. disse...

E o que é a opinião alheia quando temos a nossa própria?
Beijos

Bill Falcão disse...

Sócrates, sim, é sempre atual, lindona!
Bjooooooooo!!!!!!!!

dreamsaboutme disse...

Paty! Texto curtinho mas incríel, hein? Eu também venho crescendo e apreciando mais Santo Agostinho, que além dessa bela reflexão nos ensinou, filosoficamente, a pensar no eu, mas sem esquecer dos outros, e que as verdades não precisam ser eternas, precisam ser estudadas. Beijinhos e pareça! :)

Menina Nina disse...

Falou que já me via no pódio do blokurtando e está lá comigo!!!!

hauahua

Beijos! Post merecidíssimo!

Marcela' disse...

Hm, virei fã de Santo Agostinho! haha
Belo texto, Patrícia, baci.

Natália disse...

Reputação nem me preocupo mais.

Participa do Be Writer também?

http://abelhasescritoras.blogspot.com/ leia mais aqui.
Espero que se interesse. beijos :D

Menino Poeta disse...

é isso ai somos livres, mais ainda dependentes do nosso proximo!!! belo o post!!

Dressa Ferreira disse...

Nossa, ótimo texto!
Beijossssss

Sofia disse...

postei sobre perdão lá no blog (http://pirulito-no-palito-blogspot.com/). Vai lá dá um Up !
Eu e o Pirulito estamos querendo alcançar os 400 comentários ainda essa semana, ajuda vai ? *--*

:*

Hermilaine disse...

Ave Maria se eu fosse ligar para o que os outros pensam ou falam...eu enlouquecia...
Gostei de seu blog,vou seguir.Kisses...
www.coisasdelane.blogspot.com

disse...

Gostei das suas respostas. Também sou muito desastrada. E, veja bem, sou anti-social mas tenho muitos amigos. Vai entender... Beijos.

Quantos?